Carta de Lula de apoio a Marinho frustra defensores de Haddad em SP

ATIA SEABRA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Para desgosto dos apoiadores da candidatura do ex-prefeito Fernando Haddad ao governo de São Paulo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou ao PT uma carta em que afirma que o ex-ministro Luiz Marinho é o mais preparado para a disputa pelo Palácio dos Bandeirantes.

Na carta, Lula exalta a trajetória de Marinho e acrescenta: "Agora, um novo desafio se apresenta e tenho a certeza de que o Marinho é o mais preparado para esse desafio: ser o nosso pré-candidato a governador de São Paulo, companheiras e companheiros".

A carta, que será lida na noite desta sexta-feira (1) no lançamento da pré-candidatura de Marinho, surpreendeu os defensores da candidatura de Haddad, que esperavam um distanciamento de Lula.

O gesto preocupa candidatos a deputados que temem uma má performance de Marinho.

Lula deverá participar do ato de lançamento da pré-candidatura de Marinho. Haddad estará no Pará.

A íntegra da carta

"Conheci o Marinho no começo dos anos 80, quando ainda era militante de base na Volkswagen. Depois ele entrou para a diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo e, desde então, criamos uma relação de amizade, confiança e respeito mútuos. Já naquela época vi no Marinho uma liderança capaz de fazer a diferença. E tenho a convicção de que estava absolutamente certo.

No Sindicato, onde começou como tesoureiro e chegou a presidente por três mandatos (de 1996 a 2003) foi reconhecido por todos na categoria como um dos melhores presidentes da história da nossa entidade. Foi Marinho quem garantiu que a Volks e a Ford mantivessem suas unidades em São Bernardo, preservando o emprego de mais de 13 mil pais e mães de família. Do mesmo jeito, fez a diferença na CUT com a direção da luta de milhões de trabalhadores e trabalhadoras Brasil afora e sugeriu ao governo a criação do empréstimo consignado para oferecer crédito mais barato para os mais pobres.

Quando chamei o Marinho para ser ministro do Trabalho apostava na sua capacidade de negociador e tinha a convicção de que ele, de novo, faria a diferença. E mais uma vez ele não me decepcionou: uma das grandes marcas do meu governo, a política de correção permanente do salário mínimo de acordo com a variação do PIB e da inflação, foi inciativa dele e sua implantação fruto do seu trabalho.

Depois que ele cumpriu essa brilhante tarefa no Ministério do Trabalho o convoquei para ser ministro da Previdência, com a missão de modernizar a gestão daquela Pasta e acabar com as intermináveis filas no INSS. E aqui ele mostrou mais uma vez a sua capacidade de negociação e de gestão. Foi o melhor gestor que já passou por aquele ministério em toda a sua história.

Quando Marinho decidiu ser candidato a prefeito de São Bernardo do Campo devo confessar que não gostei muito. Preferia que ele seguisse no governo comigo. Mas também sabia que a minha cidade teria, enfim, um prefeito à altura dos seus desafios.

E mais uma vez ele não decepcionou. Marinho foi, sem dúvida, o melhor prefeito da história da cidade. Foi o prefeito que mais construiu casas; reformou todas as UBSs; construiu um fantástico hospital de Clínicas; criou sete CEUs; combateu e acabou com as enchentes na maior parte da cidade; foi o prefeito que mais tirou famílias de áreas de risco e o que mais estimulou a participação cidadã. Enfim, foi o prefeito que cuidou com mais carinho da população mais carente da nossa cidade e o que realmente mudou a cara de São Bernardo.

Agora, um novo desafio se apresenta e tenho a certeza de que o Marinho é o mais preparado para esse desafio: ser o nosso pré-candidato a governador de São Paulo. Nosso Estado vem sendo governado há mais de trinta anos pelo mesmo grupo político liderado liderados pelo PSDB e PMDB e do ponto de vista de políticas públicas pouco avançou nesse período. Em todas as áreas nosso São Paulo patina.

https://br.noticias.yahoo.com/carta-lula-apoio-marinho-frustra-223400653.html

Categoria:+News/noticias

Deixe seu Comentário